Posts Tagged ‘ saúde ’

Vamos que vamos, Brasil!

Que beleeeeeeeeezaaaaaaaaa!!!!!

Daqui a pouco, você, eu, e todos os brasileiros teremos pago exatos 1 trilhão de reais de impostos ao governo. O valor, registrado pelo Impostômetro, em São Paulo, representa o total de impostos federais, estaduais e municipais arrecadados em 2011. A marca será atingida 35 dias antes de 2010, quando o mesmo valor foi alcançado em 18 de outubro.

Todo ano, o prazo para atingir a marca de R$ 1 trilhão cai: em 2008, foi em 14 de dezembro; em 2009, em 8 de dezembro; em 2010, 18 de outubro; e este ano, em 13 de setembro.

Até o fim do ano, segundo os cálculos do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), você, eu, e todos os brasileiros deveremos pagar R$ 1,4 trilhão em tributos.

Quando compramos uma cerveja,  pagamos 55,60% de impostos. Trocando em miúdos. Se você compra uma cerveja no supermercado por R$ 2,60, significa que na verdade ela custou R$ 1,15, incluindo neste custo o valor do produto, o transporte da fábrica até o supermercado e o lucro do supermercado. E o nosso governo fica com extatos R$ 1,45.

Você chega cansado do trabalho e abre uma cervejinha gelada. Toda vez que fizer isso, imagine o seguinte: o governo entra na sua casa, puxa uma cadeira, pega um copo e toma mais da metade da cerveja que você comprou. Bobear, ainda deixa a “baba” pra você. É exatamente isso o que acontece. Você poderia pagar R$ 1,15 pela garrafa, mas paga R$ 2,60, porque você tem que pagar a parte do seu “convidado”. Dá pra ser feliz?

Há muitos anos alguns projetos estão adormecidos nas gavetas do Congresso tentando obrigar o governo tornar público o quanto custa um produto e quanto o consumidor paga de imposto por ele, como acontece na maioria dos países civilizados. Só que moramos no Brasil, né? Tudo por baixo do pano, tudo na moita. Sabe quando isso vai acontecer aqui?

Quem pode mais chora menos.

Saúde pra você. Saúde pra todos nós. E vamos que vamos, Brasil.

 

Temperatura máxima é recorde do ano. Em pleno Inverno.

Dá pra entender? Estamos em pleno Inverno e hoje, precisamente às 15 horas, a Estação Hidrometeorológica da Fatec registrou a temperatura máxima mais alta do ano. Exatos 34,6 graus. A baixa umidade relativa do ar, 22.6%, colaborou para o recorde. Ainda bem que está ventando. Caso contrário, estaríamos todos derretendo com esse calorão fora de época.

Mas a julgar pela previsão do tempo o calor está indo embora. Uma formação de chuva no sul do Estadio, com vento e chuva forte, está vindo em nossa direção. Um dia antes do que se previa. Segundo o “Climatempo”, a temperatura máxima cairá sete graus de hoje para amanhã e mais cinco na quinta, quando a mínima também despencará para 11 graus. Sexta e sábado, mínima de 9 graus. Bem friozinho. Haja saúde.

Dorme mais que oito horas? Dr.Lorenzo tem um alerta pra você.

Oito horas é o seu limite. Pode?

Raramente me preocupo em ler matérias na área de saúde. É uma das últimas coisas que leio, na constante procura por assuntos que podem interessar aos leitores do blog. Primeiro, porque geralmente são alarmantes. Segundo porque raramente acredito nelas. Terceiro, porque tá cheio de sites que adoram colocar medo nas pessoas que curtem uma doencinha.

Mas esta, que li hoje, da agência EFE, preciso comentar com vocês. Resumindo a ópera, a reportagem diz que a Fundação Espanhola do Coração (FEC) advertiu nesta sexta-feira que dormir nove horas ou mais por dia aumenta 1,57 vez o risco de sofrer uma doença cardiovascular. Por isso, a entidade aconselhou não ultrapassar o limite de horas de sono recomendadas (entre sete e oito).

A recomendação é do cardiologista Lorenzo Silva Melchor, membro da FEC. “Dormir mais horas que as recomendadas pode se relacionar com distúrbios e qualidade do sono que condicionam alterações de parâmetros cardiovasculares”, argumentou.

Ora, não dá pra levar a sério, né? O cara faz um alerta que a agência espanhola espalha para o mundo inteiro dizendo que dormir mais que oito horas “pode se relacionar com distúrbios”? E como é que ele calculou que isso “aumenta 1,57 vez o risco de sofrer uma doença cardiovascular”?

Desculpe, dr. Lorenzo. Pra mim isso é falta de assunto. É que nem aquela história do ovo. Numa semana, faz mal à saúde. Na semana seguinte, é muito bom. Ou do café. Ou da carne vermelha. É tudo história pra boi dormir.

Dengue: vivemos em uma ilha. Jaú está de parabéns.

A Secretaria Municipal de Jaú anunciou hoje que foram confirmados mais seis casos de dengue em nosso município. Agora, são 23 casos anotados em 2011. Jaú está de parabéns.

Verdade. Vejam nossos vizinhos. Bauru, onde estudam centenas de jauenses, já está batendo 1600 casos de dengue este ano. É muita coisa. Araraquara, outra vizinha, o número de pessoas infectadas este ano já passou de 700. Franca, cidade com a qual temos um relacionamento comercial importante, já passou de 1100 casos. E Ribeirão Preto, onde muitos jauenses estudam também, já registrou 8256 doentes.

Para os responsáveis pela saúde em todas essas cidades, o  grande volume de chuva registrado em fevereiro foi o grande responsável pela multiplicação de focos do mosquito. Aqui também choveu pra caramba em fevereiro e conseguimos nos transformar em uma ilha, com epidemias de dengue pipocando ao nosso redor.

Parabéns Jaú. Vamos continuar cuidando de nossos quintais.