500 Milhas de Indianápolis: líder bate na última curva, mas chega em segundo com apenas duas rodas.

Incrível: o novato californiano JR Hildebrand liderava a 100ª edição das 500 Milhas de Indianápolis com folga. Na última curva, decidiu ultrapassar um retardatário, saiu do traçado e foi parar no muro. Don Wheldon, que vinha em segundo, venceu a prova.

Apesar da forte pancada no mudo, que acabou com a lateral direita do seu carro, destruindo inclusive as rodas e pneus, Hildebrand conseguiu cruzar a linha de chegada em segundo, arrastando no muro. Veja como foi. Vale a pena ver o filme até o fim, com tomadas de várias câmeras, a reação dos narradores (em inglês) e a decepção do jovem piloto, que perdeu U$ 1,5 milhão.

O brasileiro Tony Kanaan foi quarto classificado.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: