As frases são do diretor da Consladel. A conclusão é sua.

As frases são do engenheiro Marcio Rovai Arem (ao centro), diretor da Consladel. Ontem ele esteve em Jaú  para conversar com a imprensa, e se colocar à disposição para ser interrogado pela CEI dos Radares.

Ao ser perguntado em entrevista coletiva que deu ontem sobre doação que fez de R$ 50 mil para a campanha do prefeito Oswaldo Franceschi, afirmou:

A Consladel separa um coeficiente e divide entre os partidos. Estamos há mais de 20 anos no mercado. Seria muito infantil fazer doação com vista a um contrato futuro. Fizemos doação para todos os partidos políticos.”

Mais tarde, perguntado qual a razão de ter escolhido Jaú para distribuir a benesse, Arem escorregou:

É uma cidade que não tinha sinalização. Vimos um potencial aqui. Foi um investimento. Escolhemos várias cidades do interior onde não tínhamos contrato e tinham sinalização deficiente.

Então tá. Outra frase do diretor da empresa, pra fechar:

Não existe e nem nunca existiu qualquer esquema de propina na Consladel.

Quem sabe domingo o Fantástico peça desculpa aos seus telespectadores por ter inventado o vídeo onde um representante da empresa promete propina.

A reportagem completa da entrevista você pode ler no site Jaunews (de quem tomei emprestada a foto acima), clicando AQUI

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: